Parques do Pleistoceno: recriando o cerrado e o pantanal com a megafauna

dc.creatorGaletti, M. (Mauro)en
dc.date.accessioned2008-12-02T17:47:10Zen
dc.date.available2008-12-02T17:47:10Zen
dc.date.issued2005en
dc.description.abstractNos últimos anos diversos pesquisadores tem sugerido a introdução de grandes predadores e herbívoros para a reconstrução de ecossistemas naturais. A introdução de lobos, ursos, pumas e até mesmo espécies exóticas como elefantes e camelos têm sido sugerida pelos pequisadores para reestabelecer processos ecológicos de diversos ecossistemas norte-americanos, de florestas a desertos (Martin and Burney 2000). Mesmo os bem equipados parques nacionais norte-americanos falharam em proteger toda a diversidade de grandes mamíferos como ursos, coiotes e lobos (Newmark 1987). Esses predadores de topo de cadeia alimentar são considerados “chaves” para a manutenção de todo o ecossistema, pois regulam as populações de herbívoros. Sem esses predadores, há uma aumento desproporcional nas populações de herbívoros e mesopredadores (como raposas, mão-peladas e esquilos), que sobrecarregam as populações de plantas e pequenos animais que são seus alimentos (Terborgh 1992, Crooks & Soulé 1999).en
dc.description.departmentLatin American Studiesen
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/2152/4072en
dc.language.isoporen
dc.relation.ispartofseriesVisiting Resource Professor Papers;en
dc.subjectBrazilen
dc.subjectEcologyen
dc.subjectBrasilen
dc.subjectEcologíaen
dc.titleParques do Pleistoceno: recriando o cerrado e o pantanal com a megafaunaen
dc.typeWorking Paperen
Files
Original bundle
Now showing 1 - 1 of 1
Loading...
Thumbnail Image
Name:
galetti.pdf
Size:
457.04 KB
Format:
Adobe Portable Document Format
License bundle
Now showing 1 - 1 of 1
No Thumbnail Available
Name:
license.txt
Size:
1.74 KB
Format:
Item-specific license agreed upon to submission
Description: