O envolvimento dos pais brasileiros na educação apoia a dedicação de seus filhos ao trabalho escolar e ao desempenho em matemática e leitura.

Date
2023
Authors
Koepp, Andrew E.
Gershoff, Elizabeth T.
Marteleto, Letícia J.
Journal Title
Journal ISSN
Volume Title
Publisher
University of Texas at Austin Population Research Center
Abstract
Description
Décadas de pesquisa dos Estados Unidos e de outros países de alta renda mostram que o envolvimento dos pais na educação dos seus filhos tem um impacto positivo no desempenho acadêmico dos estudantes. No entanto, não está claro se esses constatações se generalizam para um país de renda média como o Brasil, onde a educação média é menor e os recursos para investir em crianças são mais limitados. Por outro lado, os pais brasileiros poderiam incentivar a escolarização das crianças porque os brasileiros se beneficiam de alguns dos maiores retornos à educação do mundo. Usando dados de vários milhões de alunos da quinta e nona série matriculados em escolas públicas brasileiras, o pesquisador de pós-graduação da PRC, Andrew Koepp, a Diretora da PRC Liz Gershoff e a Pesquisadora da PRC Letícia Marteleto descobriram que o envolvimento dos pais estava indiretamente ligado ao desempenho dos alunos através da conclusão dos deveres de casa pelos alunos e que envolvia até mesmo pais com poucos anos de escolaridade formal. Eles argumentam que as intervençoes e os programas de extensão devem, portanto, visar todos os pais para melhorar o sucesso acadêmico e profissional das crianças a longo prazo.
For the English version of this article, see: http://dx.doi.org/10.26153/tsw/44172
Citation